terça-feira, 9 de fevereiro de 2010

Interpretando



Hoje reassisti na TV ao filme A Interpréte, de 2005, do Sydney Pollack, com Sean Penn e Nicole Kidman. Engraçado, apesar de detestar o final do filme, alguma coisa nele se torna interessante para mim a cada vez que o vejo.

Talvez seja a combinação de África, cultura, problemas políticos e sociais e essa coisas das línguas do mundo. Essa possibilidade de contato com novos significados, novos sons, novas crenças. Esse contato com outros mundos.

Nenhum comentário: